O pai de santo…

Um fazendeiro, ao ver seu gado morrer de uma doença misteriosa, resolveu chamar o Pai de Santo para fazer um “trabalho” para tentar salvar seu rebanho.

O Pai de Santo, muito safado, disse que para resolver o problema precisaria ficar a sós com a mulher do fazendeiro (que era muito bonita).

Eles entraram no quarto e o Pai de Santo pediu para a mulher tirar a roupa. O fazendeiro, que ficou olhando pelo buraco da fechadura quase ficou louco, mas, como era muito ganancioso, ficou calado.

O Pai de Santo disse:

– Mão na canela para salvá as “vaca amarela”. E colocou a mão na canela da mulher.

– Mão na coxa para salvá as “vaca mocha”. E colocou a mão na coxa da mulher.

– Mão na virilha pra salvá as “novilha”.

O fazendeiro vendo aquilo gritou:

– As “vaca preta” e os “boi zebu” você pode deixar morrer tudo.

Comenta aí